Bar do Jaime

Só quem conhece e já sentou alguma vez nesse balcão é que sabe o sentimento bom que este espaço reserva

Publicado por em 01/03/2013

Feche os olhos, respire fundo, esqueça tudo o que você aprendeu sobre comida saudável e, soltando o ar bem devagarzinho imagine um tacho de óleo e sinta o cheiro de gordura no ar! – Aaahhhhhh(…) É disso que eu tô falando: Sexta-feira, dia de costelinha do Jaime!

bar-do-jaime-londrina-1

Fim de expediente, fim de semana e fim de dieta. Você levou uma semana árdua e cheia de compromissos; horários, agenda, salada no almoço, fruta de café da tarde e o único contato que teve com álcool foi o desodorante antitranspirante aerosol. É essa a emoção da sexta-feira. O direito de todo o cidadão de ir e vir; vir do trabalho e ir ao Jaime.

bar-do-jaime-londrina-2

E toda essa ladainha pra começar a falar deste lugar que ocupa um pedaço especial no meu coração, porque só quem conhece e já sentou alguma vez no balcão do Jaime é que sabe o sentimento bom que este espaço reserva. Muita gente tem preconceito com comida de boteco, e, se engana quem acha que você só encontra bebum e pau d’água nesses ambientes. O Bar do Jaime é família. É caseiro, é tradição! A família Gomes toca o lugar unida. A esposa, a sogra, o filho, a tia e, claro, o Seu Jaime – que leva consigo a responsabilidade e o brilho do nome do estabelecimento: Bar do Jaime!-.

bar-do-jaime-londrina-3

O clima é nostálgico e, como dizia o jornalista e escritor João Antônio, o lugar remete aos “anos loucos de Londrina”. O corredor cumprido e de azulejo azul calcinha, as cadeiras de alumínio estilo ‘schincariol’ e o som das panelas batendo uma na outra dão ao espaço um requinte particular.

bar-do-jaime-londrina-4

E as sextas-feiras trazem a competição. A corrida para um lugarzinho no balcão é frenética. O movimento fica intenso, o corre-corre de um lado para o outro, e, pra esperar a vez só mesmo tomando uma cervejinha acompanhada do tradicional ‘cú de burro’ (expremidinha de limão com sal – sentiu ai a água na boca?).

bar-do-jaime-londrina-5

Então a Janaina ou a Célinha, que costumam servir ali pelo corredor, chegam à mesa com a tal porção da costelinha. Honesto, o prato acompanha um belo pedaço de costela de porco temperado, limão e mandioca cozida.

bar-do-jaime-londrina-6

O segredo? Ninguém sabe. Mas tenho pra mim, bicho, que além de sal, (…) Tem muito amor!!!

bar-do-jaime-londrina-4

Sozinho ou {bem} acompanhado, o Bar do Jaime é uma ótima pedida pra começar o fim de semana dando chute na porta.

bar-do-jaime-londrina-4

Gastei: $8,00 Costelinha + $5,00 Cervejinha de litro + $1,00 cu de burro.

Bar do Jaime

Atenção: as informações, promoções e preços descritos referem-se a data da publicação e estão sujeitos a alterações sem aviso prévio.

22 Comentários para “Bar do Jaime”

  1. Renata adoooorei o jeito que vc escreve! Olha que eu tenho tudo pra ir contra a tal costelinha, mas como vc a descreve é muito gostoso de ler e se divertir! ADOREI
    PARABÉÉÉNS!!
    Bjoos ;*

    Responder
  2. Os salgadinhos não são os mais quentes e a gordura marca o papel, mas o sabor é da fritura da vovó. Comer em pé no balcão e escutar as histórias do dia-a-dia faz parte do contexto. Chegue cedo na sexta, a costelinha acaba rápido e as mesas são disputadas.

    Responder
  3. Mario Ywatsugu

    Na primeira vez fui lá, já gostei de cara, pela simplicidade e sem frescura do local.
    Gostei muito da costelinha, falta experimentar o sanduiche de pernil e o bolinho de bacalhau.
    Um dia eu vô.
    Aoooo seu Jaime!
    Mario

    Responder
  4. Já tive a oportunidade de visitar o bar do seu jaime e concordo com tudo do post, simplesmente sensacional!!
    Seu blog também é muito interessante, já visitei vários lugares com as dicas daqui, ficaria mais feliz ainda se as postagens fossem mais frequentes, haha
    Parabéns! 🙂

    Responder
    • Oi, Lucas! Valeu pelo feedback! A gente fica triste de não poder postar com mais frequência, mas tanto eu (Tati) quanto a Duda trabalhamos em outros lugares, aí fica numa correria total. Mas estamos nos organizando pra aumentar a frequência 🙂 Valeu pelo toque!

      Responder
  5. Valeu pelas dicas….concordo com um dos comentários acima: Vocês mandam muito bem em seus comentários, fazendo com que desperte a curiosidade de conhecer, cada lugar aqui comentado….. Parabéns, sou de sampa e sempre vou para Londres e com certeza, já montei um TOUR-LONDRES…Show!!!

    Responder
  6. Faz pouco tempo que moro em Londrina e estou adorando descobrir lugares gastronômicos. Valeu! O trabalho de vocês é muito bom… Bjs

    Responder

Responder